ATALHOS
Introdução
Aúdio
E-mails e fone
Links
Pesquisas
Postagens
Enquete
Videos
Quem sou eu
Onde eu reuno
Seu recado aqui
O que cremos
Que igreja é essa?
Jesus Cristo
Louvar a homens?
Evangelhos Pirata

Você sabe para onde está indo?

Você sabe para onde está indo?
Você sabe o que fazer?

Quem pode responder minhas perguntas?

Por que nasci? De onde venho? Para onde vou? Que faço aqui? Por que o mal, o sofrimento e a morte existem?
Que respostas vou dar a estas e a muitas outras perguntas? Não consigo esquecê-las e apenas viver como um animal vive. Procuro, mas não encontro. A filosofia e a religião tentam me ajudar, porém cada uma de suas respostas me faz tropeçar em uma nova pergunta. Nasci por acaso, vivo por necessidade, logo e inevitavelmente desaparecerei. Poderia não ter nascido. Poderia não estar vivendo. Mas não posso deixar de morrer. Estou aqui e não entendo nada. É desesperador!
A não ser que... animo-me a ler um livro que reivindica, há muitos séculos, demonstrar a existência de um Criador, e me convenço de que Ele tem algo a me falar. Isso é interessante. Segundo ouvi dizer, esse livro dá respostas satisfatórias a todos os que se atrevem a abri-lo. Então, por que não ler o tal livro?
Decidi começar a ler a Bíblia. E ainda a leio. Cada dia descubro nela alguma coisa a mais sobre o meu Criador e Deus. Um Deus Grande, Justo, Santo e transbordante de amor, que me conhece e me revela o que realmente é a vida. Sim, a verdadeira vida consiste em conhecê-Lo, o “único Deus verdadeiro e a Jesus Cristo”, a quem Ele enviou “para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 17 : 3 e 3 : 16)


Fonte: Boa Semente, Devocional 2007



"Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. E nós temos crido e conhecido que tu és o Cristo, o Filho do Deus vivente." (João 6 : 68,69) --> Posicione o mouse nos textos para parar ou desacelerar




--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

3 de jan de 2010

A Pessoa de Deus. Os Atributos



"Ensinar-vos-ei acerca da mão de Deus, e não vos encobrirei o que está com o Todo-Poderoso." (Jó 27 : 11)


Vejamos as Qualidades de Deus, o que Ele é, como Ele se descreve em Sua Palavra.

Deus é espírito:
"Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade." (João 4 : 24): Isto quer dizer que Ele não tem corpo carnal, não podemos vê-lo. Porém Deus pode revelar-Se a nós de forma que possamos conhecê-Lo. Na pessoa do Senhor Jesus Cristo, Deus veio ao mundo em um corpo como o nosso só que impecável (João 1 : 1 e 1 : 14 e 1 : 18) (Colossenses 1 : 15).

Deus é onipotente:
"SENDO, pois, Abrão da idade de noventa e nove anos, apareceu o SENHOR a Abrão, e disse-lhe: Eu sou o Deus Todo-Poderoso, anda em minha presença e sê perfeito. (Gênesis 17 : 1);
"E Jesus, olhando para eles, disse-lhes: Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível. (Mateus 19 : 26);
"Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez." (João 1 : 3);
"Ah Senhor DEUS! Eis que tu fizeste os céus e a terra com o teu grande poder, e com o teu braço estendido; nada há que te seja demasiado difícil;" (Jeremias 32 : 17). Ele é muitíssimo poderoso, o universo inteiro está sustentado por Ele (Hebreus 1-3). Tanto criou a terra, céu, universo e que tudo nela contem como também criou as coisas invisíveis (os sentimentos humanos, o inferno, o lago de fogo... etc.), tanto tem poder para criar, como também para destruir, e poder para salvar.

Deus é onisciente:
"SENHOR, tu me sondaste, e me conheces. Tu sabes o meu assentar e o meu levantar; de longe entendes o meu pensamento. Cercas o meu andar, e o meu deitar; e conheces todos os meus caminhos. Não havendo ainda palavra alguma na minha língua, eis que logo, ó SENHOR, tudo conheces." (Salmos 139 : 1,4);
"Tenha já fim a malícia dos ímpios; mas estabeleça-se o justo; pois tu, ó justo Deus, provas os corações e os rins." (Salmos 7 : 9);
"Grande é o nosso Senhor, e de grande poder; o seu entendimento é infinito." (Salmos 147 : 5);
"E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de tratar."(Hebreus 4 : 13);
"Porque os meus olhos estão sobre todos os seus caminhos; não se escondem da minha face, nem a sua maldade se encobre aos meus olhos." (Jeremias 16 : 17). Ele sabe de todas as coisas, Ele sabe o que se está passando na mente de todas as pessoas neste exato momento e o que se passa no coração de cada um, Ele sabe o futuro, passado e presente de todas as pessoas, Ele é infinito de memória. Ele também usa este atributo para julgar o homem.

Deus é onipresente:
"Tu me cercaste por detrás e por diante, e puseste sobre mim a tua mão. Tal ciência é para mim maravilhosíssima; tão alta que não a posso atingir. Para onde me irei do teu espírito, ou para onde fugirei da tua face? Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no inferno a minha cama, eis que tu ali estás também. Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar, Até ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá. Se disser: Decerto que as trevas me encobrirão; então a noite será luz à roda de mim. Nem ainda as trevas me encobrem de ti; mas a noite resplandece como o dia; as trevas e a luz são para ti a mesma coisa;"(Salmos 139 : 5,12);
"O SENHOR olha desde os céus e está vendo a todos os filhos dos homens. Do lugar da sua habitação contempla todos os moradores da terra. (Salmos 33 : 13,14);
Deus está em todos os lugares que se possa imaginar, Ele contempla a todos os viventes ao mesmo tempo, é impossível ao homem se esconder de Deus fisicamente, Ele neste exato momento está te vendo e sabendo o que está passando em tua mente.

Deus é eterno:
"Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso."(Apocalipse 1 : 8);
"O teu trono, ó Deus, é eterno e perpétuo; o cetro do teu reino é um cetro de equidade." (Salmos 45 : 6);
 Ele sempre existiu, Ele não tem um começo e nem fim, é complicado o homem compreender sobre isto, pois o homem é limitado em seu entendimento e está acostumado com o início e fim de tudo. No princípio da terra lá Ele estava, pois, Ele é quem criou, e no fim lá Ele estará, pois é Ele quem a julgará e destruirá. Ele vive para sempre.

Deus é santo:
"NO ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo. Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam. E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o SENHOR dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória. E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça. Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios; os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos. Porém um dos serafins voou para mim, trazendo na sua mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; E com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniquidade foi tirada, e expiado o teu pecado. (Isaias 6 : 1,7);
"E os quatro animais tinham, cada um de per si, seis asas, e ao redor, e por dentro, estavam cheios de olhos; e não descansam nem de dia nem de noite, dizendo: Santo, Santo, Santo, é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que era, e que é, e que há de vir." (Apocalipse 4 : 8);
"Não há santo como o SENHOR; porque não há outro fora de ti; e rocha nenhuma há como o nosso Deus." (1º Samuel 2 : 2);
Ele é santo, puro, luz inacessível, não pode de maneira nenhuma ter acesso à impureza, perversidade e maldade, ou seja, o pecado, por isso nenhum pecador pode chegar até Ele, e por isso o homem está desligado dEle. O homem gosta de dar ênfase ao amor de Deus, mas a Sua Palavra da mais ênfase a Sua santidade, pois ela diz que Deus é Santo, Santo, Santo e não fala que Deus é amor, amor, amor, com certeza Deus é amor. Por causa de Sua santíssima santidade é que Ele fez o inferno e para lá está mandando os homens.

Deus é justo:
"Ele é a Rocha, cuja obra é perfeita, porque todos os seus caminhos justos são; Deus é a verdade, e não há nele injustiça; justo e reto é". (Deuteronômio 32 : 4);
"Proferirão abundantemente a memória da tua grande bondade, e cantarão a tua justiça." (Salmos 145 : 7);
"Eu, o SENHOR, esquadrinho o coração e provo os rins; e isto para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o fruto das suas ações." (Jeremias 17 : 10). Ele é justo e Sua justiça age em cima da Verdade, de Sua onisciência e santidade, com ela Ele julga as pessoas, desde quando a pessoa nasceu até a sua morte carnal, Ele sabe de tudo o que se passou e de que se passa na mente e coração da pessoa, de maneira que é impossível Ele errar em Sua justiça, Ele é perfeito mais que perfeito. Ao contrário do homem que falha em sua justiça e não sabe de todas as coisas. No julgamento do homem necessita-se de testemunhas para poder julgar, mesmo assim o juiz não sabe o que se passou exatamente no relato no qual o réu está sendo julgado, e o homem é falho na sua justiça, Deus não! O Senhor ama o Seu juízo; "
Porque eu, o SENHOR, amo o juízo..." (Isaias 61 : 8
). Por este fato dEle ser Justo é que Ele não suporta o pecado, pois, uma das características do pecado é injustiça, então Ele sendo Justo não suporta a injustiça e Ele dá o devido pagamento pela injustiça (pecado).

Deus é imutável:
"Porque eu, o SENHOR, não mudo; ..."(Malaquias 3 : 6);
"Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente." (Hebreus 13 : 8);
"Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação."(Tiago 1 : 17). Ele não muda e nunca vai mudar, foi, é e sempre será o mesmo, da mesma maneira que agiu com Adão e Eva Ele também agirá conosco, Ele não muda de opinião.

Deus é amor:
"Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores."(Romanos 5 : 8);
"Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor." (1º João 4 : 8).
Apesar do homem ser pecador, Deus o ama, mas odeia o pecado, odeia o pecado que há no homem e os atos que por ele são cometidos.

Deus é misericórdia;
"O SENHOR é longânimo, e grande em misericórdia, que perdoa a iniquidade e a transgressão, que o culpado não tem por inocente, e visita a iniquidade dos pais sobre os filhos até à terceira e quarta geração." (Números 14 : 18);
"Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou, Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;"(Efésios 2 : 4,6);
"Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo," (Tito 3 : 5).
Misericórdia podemos definir pela composição de duas palavras: Miséria e córdia.
Pois é que define a palavra, pois Deus age com Seu amor (córdia) para com a nossa miséria (pecador). Ato de misericórdia é alguém perdoar sem que a outra pessoa mereça o perdão; É o perdão concedido por pura bondade; Expressão de bondosa consideração ou pena, que dá alívio aos desfavorecidos, terna compaixão; também, as vezes, abrandamento do julgamento ou punição. Piedade, compaixão, sentimento despertado pela infelicidade de outrem. / Perdão concedido unicamente por bondade; graça. / Punhal que outrora os cavaleiros traziam à cintura no lado oposto àquele em que estava a espada, e que lhes servia para matar o adversário, depois de derrubado, se ele não pedia misericórdia. // Misericórdia divina, atribuição de Deus que o leva a perdoar os pecados e faltas cometidos. // Bandeira de misericórdia, pessoa bondosa, sempre pronta a ajudar o próximo e a desculpar-lhe os defeitos e faltas. // Golpe de misericórdia, o ferimento mortal feito com o punhal chamado misericórdia; o golpe mortal dado a um moribundo. // Mãe de misericórdia, denominação dada à Virgem Maria para significar a sua imensa bondade. // Obras de misericórdia, nome dado a quatorze preceitos da Igreja, em que se recomendam diferentes modos de exercer a caridade, tais como visitar os enfermos, dar de comer a quem tem fome etc. // Estar à misericórdia de alguém, depender da piedade de alguém. // Pedir misericórdia, suplicar caridade.


Observamos os atributos de Deus, o que Ele é, e por ser assim, como Ele age conosco.
Há muitas outras passagens que relatam sobre os atributos de Deus.
Caso você se interessar por mais exposições sobre este caso ou estiver dúvida, deixe uma solicitação.

Postagem anterior

Próxima postagem

Vide Introdução

0 comentários:

Postar um comentário